Seguidores

SINDGUARDAS-MG

Visitantes ONLINE

sábado, 12 de abril de 2014

11/04/2014 10h42 - Atualizado em 11/04/2014 16h46

Guardas municipais fazem 'Marcha 



Azul-Marinho' em Belo Horizonte


Eles percorrem vias da capital até chegar na Assembleia Legislativa.
Sindicato diz que protesto reivindica reconhecimento e regulamentação.

Do G1 MG
1 comentário
Foto
Centenas de guardas municipais de várias cidades de Minas Gerais e de outros estados fazem manifestação, nesta sexta-feira (11), em Belo Horizonte, informou o presidente do Sindicato dos Guardas Municipais do Estado de Minas Gerais, Pedro Bueno. O protesto ganhou o nome de "Marcha Azul-Marinho".
De acordo com Bueno, o protesto nacional reivindica reconhecimento, direitos e regulamentação da categoria. Ele disse que o movimento quer chamar a atenção para a aplicação da lei federal 10826/2003 (Estatuto do Desarmamento), que prevê o porte de armas por guardas municipais e um modelo diferente de gestão das guardas.
Eles se reuniram na Praça Sete, no Centro da capital mineira, e seguem em passeata e com carros da corporação pela Avenida Afonso Pena, em frente à prefeitura, e sobem a Avenida Álvares até a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Na ALMG, às 14h, discutirão o plano de carreira, a situação da gestão das guardas e a integração de guardas de regiões metropolitanas.
Além de guardas municipais de Belo Horizonte, Contagem e Betim, há guardas das cidades deOuro PretoNova LimaTrês CoraçõesItajubáPoços de CaldasVarginhaBoa Esperança,Pouso AlegrePiraporaMontes ClarosIlicíneaCorintoMatias CardosoJuiz de Fora,BarbacenaItabiritoCongonhas e Conselheiro Lafaiete, entre outras.